terça-feira, 11 de junho de 2013

...

Aqui a Carla anda à procura de dar sentido à sua vida. Aqui a Carla anda à procura de novo ânimo. Aqui a Carla anda à procura de motivos para viver e não sobreviver. Aqui a Carla anda à procura de sair da rotina casa-trabalho, trabalho-casa.

Há quase duas semanas tive a sorte de encontrar uma médica, que até é pouco valorizada no posto médico que utilizo, mas que olhou para mim e percebeu que eu não estava de bem com a vida. E que me disse que todos aqueles "gases" que me provocaram aquelas dores terríveis, não foram causados por uma alimentação menos correcta mas sim por stress, causado por ansiedade. E é isso mesmo. Ansiedade.

Porque uma coisa é virmos para o blog postar palavras e frases inspiradoras, palavras e frases para nos darem ânimo, outra coisa completamente diferente é aceitarmos essas palavras e essas frases e fazermos delas um modo de vida. Já neste post isso é dito, e sei perfeitamente que quando o publiquei mais que ser para todos os que o leram, foi principalmente para mim.

Neste momento ando à procura de um novo rumo, de uma nova maneira de encarar o meu dia-a-dia. Aos pouquinhos, porque sou uma pessoa bastante resistente à mudança. Com menos ansiedade, com mais ponderação, com menos respostas imediatas e mais respostas tranquilas. Mas nunca deixando se ser quem sou porque nunca tive vergonha de mim nem daquilo que sou.

E vou tentar mesmo que todas as inspirações que tenho deixado por aqui sejam mais que isso, inspirações, e passem a actos.

4 comentários:

  1. Acabei de escrever sobre os efeitos que a ansiedade tem em mim, mas também há os que não falo. isso que acabaste de dizer também é algo que sinto.

    Sei que tens uma família para cuidar, mas sugiro que arranjes um tempinho para ti. tenta coordenar com o teu marido algumas tarefas para que possas ter esse tempo para ti. Nem precisa de ser algo que exija pagamento, mas algo que te ajude a libertar o stress e a ansiedade.

    Beijinho e se precisares de algo, já ando por aqui.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ando mesmo a precisar de qualquer coisa que me quebre esta rotina dos dias. Está a deixar-me passiva, sem força anímica.
      Estes próximos dias vão ser dias de decisões, de alterações (mesmo que pequenas) para ver se o stress e a ansiedade diminuem. O que sei é que não posso continuar assim.

      Obrigada pelo apoio Alice. Fazem-me bem as tuas palavras.

      Um beijo grande

      Eliminar
    2. Olá Carla,

      Já tinha quase concluído um pequeno comentário quando o pc resolveu reiniciar. Vamos a ver se consigo voltar a escrever tudo o que já tinha escrito :)

      Quando gostamos mesmo das pessoas não devemos apenas dizer "apoiado" quando tudo corre bem, devemos estar efectivamente presentes quando as coisas estão menos bem. Para os momentos bons há sempre gente em nossa volta, para os momentos menos bons são poucos os que nos confortam. Acho que as pessoas, cada vez mais, precisam de partilhar, pela conforto conseguem curar pequenas doenças da alma, antes que se tornem maiores. Contra mim falo, que sou pessoa mais para chorar que para falar, vou tentando colmatar isso...

      Posso deixar-te algumas dicas - espero que não leves a mal- que são mais "reminders" do que inovação. São sugestões que talvez já te possas ter lembrado, mas que avivo a memória. Já que precisas dar algum escape à tua ansiedade, podes ver se as piscinas do teu concelho ou até mesmo perto do teu trabalho funcionam ao final da tarde. Normalmente as entradas são baratas, e se souberes nadar, podes dar umas braçadas e descontrair. A água para mim, tem um efeito libertador. Por isso adoro tomar banho. demoro imenso tempo, por isso. Ajuda-me a clarificar ideias.
      Claro que as caminhadas são um óptimo passatempo e podes fazer isso em família; ou andar de bicicleta, se souberes. Se não souberes, pensa em aprender, também pode ser uma boa forma de iniciares um novo desafio. Há bicicletas a um preço bastante baixo e não precisarás de nada topo de gama. :)e andar de bicicleta também pode ser em família. é um dois em um.
      Quase todos os concelhos do país têm pequenos grupos que promovem tanto caminhadas como passeios de bicicleta. Podes conhecer pessoas novas e descobrir coisas novas e ganhar com o florescimento de ideias novas.
      E sabendo que gostas de dançar, será que no teu concelho não há cooperativas culturais, como os ateneus. Quase todos os concelhos têm. Normalmente são aulas a baixo custo.Mesmo que já saibas dançar sempre te divertes.

      Sabes, às vezes não é que não haja ideias, nós é que arranjamos a desculpa da falta de tempo. Se coordenarmos esforços entre toda a família, podemos sempre Ser um bocadinho mais felizes na nossa vida.

      Ainda podes aliar estas actividades físicas ao teu crochet ou leitura. Podes fazer um plano de actividades sem te tornares escravo dele, ou vais ter outro motivo de ansiedade :)

      Desculpa se achas impertinente este meu comentário, mas a minha ideia é mesmo mostrar-te que há sempre alguma alternativa para combater a ansiedade. e eu só falei em algumas low cost.:)

      beijinho, menina Carla

      Eliminar
    3. Menina Alice (adorei :)),

      impertinente? Este comentário pode ser muitas coisas mas nunca impertinente. E é por isto que gosto de trocar estes comentários contigo, nos bons e nos menos bons momentos.

      Todas as sugestões que dás são pertinentes e totalmente possíveis, e acho que o problema mesmo é esse da desculpa que estou sempre a arranjar da falta de tempo.

      Para já a piscina fica em stand-by, porque fecha em Agosto e estar a fazer uma inscrição anual por mês e meio, tendo de a renovar em Setembro, não compensa. Mas já é ponto assente que em Setembro lá estarei na hidroginástica. A ideia agora serão as caminhadas no Parque da Paz, a começar nos próximos dias.Os dias estão maiores e aproveitar aquele Parque vai fazer-me bem.

      E depois, passear mais ao fim-de-semana. Sabes que com uma casa "povoada" como a minha, sem empregada, há sempre coisas para fazer no fim-de-semana. Mas lá está, a desculpa da falta de tempo. Vou deixar-me de desculpas e tratar mais do corpo e da alma.

      Vou fazer mudanças. Isso tenho a certeza. Não com brusquidões, que eu não sou mesmo assim, mas devagar, uma coisa de cada vez, um dia de cada vez.

      Um beijo. E obrigada, obrigada, obrigada ♥

      Eliminar

Labels

... (186) ' (1) 'Cóltura (1) 'o melhor país do mundo' (9) 'o melhor país do mundo'; (1) 'One Good Deed a Day' (15) "Cóltura" (5) "o melhor país do mundo" (78) 101 coisas em 1001 dias (4) 2010 (8) 2011 (7) 2012 (6) 2013 (2) 2013 Technicolor (55) 2014 (3) 25 de Abril (2) 30 dias para o Natal 30 agradecimentos (30) 31 dias para o Novo Ano 31 desejos (31) a idade não perdoa (1) a minha família (9) a minha família e a blogosfera (3) a vida como ela é (121) actualidade (1) ai (1) ai... (1) alegria no trabalho (1) almoço (1) amigos (8) animais (12) aniversários (38) aprender (2) aquilo que eu acho (1) as amantes do verão (31) atletismo (1) atrasados mentais (2) Benfica (5) blog (36) blogger (2) Blogosfera (162) Boas ideias (1) bullying (1) cabeça no ar (2) calor (1) cansaço (1) Carnaval (5) cinema (21) Citações (26) coisas boas (4) coisas da maternidade (1) coisas giras (2) coisas hilariantes (1) coisas minhas (89) coisas que gosto (142) coisas que me acontecem (1) coisas que me sabem bem (1) coisas que não compreendo (2) coisas raras (1) coisas sem interesse nenhum (1) coisas simples (1) conselhos (5) crise (1) crónicas (1) culinária (18) de vez em quando sabe bem desabafar (1) decisões em família (1) desafio 12 meses (12) desafios (143) desporto (3) dias especiais (17) dinheiro (52) doenças (37) eleições (10) escritores (1) escritos que gosto (3) estação favorita (2) estações favoritas (5) Eu (283) eu sou assim (4) Eu sou dadora de sangue com muito orgulho (1) Eu sou dadora de sangue com nuito orgulho (1) exageros (1) F/M (4) faltas de educação (15) Família (103) (9) felicidade (6) férias (107) Filhos (199) fim-de-semana (1) finanças (6) fobias (1) fora do trabalho (1) fotografia (94) fruta (1) Futebol (44) grandes verdades que vou encontrando por aí (1) greve (2) gulodices (1) hobbies (23) idade (1) Idiotas com "i" grande (1) idiotices sem explicação (6) indecisões... (4) Inícios (8) intuição (1) irmã (1) irritações (1) jornais (16) justiça para todos? (14) liberdade (2) Lisboa (1) livros (80) marmitas (1) mau feitio (1) mau feitio... (209) mazelas minhas (2) mimos (15) momentos bons (1) Mundo (49) música (106) música/dança???? (1) Natal (72) net (62) o melhor país do mundo (9) Pai (5) palavra do dia (36) parvoíces (3) parvoíces minhas (1) parvoíces... (59) pausas que me sabem bem (1) pequenos prazeres (1) perda de peso (7) pessoas especiais (39) pessoas por aí (1) Pobre Portugal... (8) poesia (1) Política (125) Portugal (128) Portugal - liberdade (4) Portugal. liberdade (4) poupança (7) praia (3) preguiçosa (1) Projecto 365 (67) publicidade (30) quando eu era pequenina (6) Rádio (25) reflexões (56) relaxar (4) revistas (3) Saúde (36) selos (4) sobre os preconceitos e as lições que a vida nos dá (1) sol (1) solidariedade (2) sonhos... (1) Tejo (1) Tempo (115) tenho frio (1) todos diferentes todos iguais (1) tontices (2) trabalho (158) trabalhos manuais (2) trânsito (3) transportes (6) tv (80) vícios (6) vida escolar (45) YES (1)

Também leio...

As fotografias inseridas neste blog têm origem em:

- Mim própria;
- i can read;
- And it's love;
- vi.sualise.us;
- google;
- Pinterest

Qualquer foto vossa que aqui estiver e que não queiram publicada, digam, que eu retiro imediatamente.