sexta-feira, 28 de maio de 2010

Posts que li e que gostei (9)

Ora nem mais!

Hoje faz anos a melhor mãe do Mundo


A minha. Que ninguém tenha dúvidas, porque ela é a melhor mãe do Mundo. Na sua vida de 72 anos, passou por tudo, tudo mesmo. No entanto, ela é a força em pessoa. Resistiu a tudo e a todos. Ensinou-me que, desde que haja vontade, tudo se consegue.

É uma mulher simples. Tem apenas a 4.ª classe. Apesar disso, tem a sabedoria de mil sábios.



É o meu exemplo de vida. É a minha Mãe.

Parabéns. Adoro-te.





imagens daqui

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Coisas que me fazem espécie

Acho que já deu para perceber que prezo a minha privacidade, bem como a da minha família. E, na minha modesta opinião, que com estas coisas da Internet e do livre acesso, todos os cuidados são poucos.

Por isso, faz-me muita espécie que algumas pessoas publiquem fotografias dos filhos, sem qualquer cuidado.

É claro que temos orgulho nos nossos filhos, é claro que adoramos receber um comentário sobre como são lindos, maravilhosos (e alguns são mesmo!). Mas daí a expô-los a todos, a qualquer estranho que apareça, que através das palavras que escrevem até consigam saber dos nossos passos no dia-a-dia, sem saber com que intuitos... não sei. Não me parece muito responsável.

Mas isto sou só eu a pensar.

Giro, giro

é ouvir/ler (algum)as mulheres a falar mal da Nigella, porque ela faz da comida um prazer e elas acham que a comida apenas serve para engordar e não para caberem nas roupas fashion, e ouvir/ler os homens a falar (muito) bem da Nigella precisamente porque ela é uma mulher que não tem medo da comida, que tem umas formas "generosas", que acompanha qualquer homem num jantar, comendo tanto ou mais que ele.

Dia de greve nos TST

= Dia fora da rotina para mim.

Há pouco mais de um ano decidi que passaria a utilizar os transportes públicos, em detrimento do carro, por uma questão de comodidade. Sim, comodidade! Deixei de passar horas no trânsito, "empancada" entre carros, irritada com os atrasos e passei a ir sentadinha a ler o meu livro ou mesmo a dormir, com motorista privado e a chegar com a tempo e horas ao trabalho, sem qualquer irritação. Poupo em gasolina, poupo em desgaste do carro, poupo em portagens (o passe fica muito mais barato), ganho tranquilidade. As paragens são praticamente à porta de casa e do trabalho, por isso... só vantagens.

Mas depois, de vez em quando, acontecem estes imprevistos. E aí pego no carro? Nãããão! Porque é que me havia de ir meter no trânsito complicado se, andando um bocadinho, posso chegar rapidamente ao trabalho, apanhando o metro e o comboio? É certo que gastei o dinheiro dos bilhetes, mas a viagem é tão tranquila como a de camioneta e o tempo é quase o mesmo... as paragens não ficam tão perto de casa e do trabalho, mas aproveito para fazer o exercício físico que me falta fazer...

Hoje foi um desses dias. E depois daquela pequena caminhada, até parece que fiquei mais bem disposta...

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Verdade, preciso mesmo

Temos muito a aprender com as crianças!

Acho que dificilmente alguém consegue ficar indiferente ao ver isto

Eu tinha jurado

que não entrava nada lá em casa relacionado com a participação da Selecção Nacional neste Mundial. Pois tinha.

Eis senão quando o homem maior lá de casa, entra com DUAS "vuvuzelas"! Ora façam lá as contas:

2 vuvuzelas+2 miúdos pequenos=... MUITO BARULHO!

Isto só a mim...

Quase que apostava

que, a partir de hoje, o destino de férias em voga, vai passar a ser o deserto...

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Mais um livro lido - Tempo Roubado

Desta vez, a proeza não foi desistir a meio do livro. Desta vez foi conseguir ler o livro inteiro em pouco mais de um semana, apenas nas viagens de transporte entre casa e o trabalho e durante bocadinhos da hora de almoço.


Sobre o livro: A justiça americana no seu melhor. A pena de morte. A sobrevivência dentro de uma prisão. A força de uma mulher inocente perante um sistema que quis que ela fosse culpada à força. O amor - pelo companheiro/marido, pelos filhos, pelos pais. 17 anos de vida em pausa.

Gostei. Gostei bastante.


O próximo:


sábado, 22 de maio de 2010

O tempo passa

e eu fico espantada como ele passou tão depressa. Neste momento preciso, fazem 16 anos que nasceu a primeira das três forças motrizes da minha vida.
Incrível como um ser minúsculo de 47 cm consegue em 16 anos transformar-se num homem (porque é isso que ele é) com 1,70 cm!
O tempo passa meu amor... e quanto mais passa, mais eu gosto de ti. São 16 anos de muitas, muitas, muitas alegrias, algumas tristezas, muitas, muitas conquistas e algumas derrotas.
Em retrospectiva, 16 anos fantásticos! Nunca percas essa tua ingenuidade, amigo. É ela que te faz genuíno, é ela que te faz a pessoa especial que és.


Adoro-te meu filho! Nunca duvides disso!

PARABÉNS FILHO GRANDE!
imagens daqui

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Eu acho tanta piada (not)

quando o próprio seleccionador diz que Portugal tem poucas possibilidades de ganhar o Mundial... é então com este espírito que esta gente vai para a África do Sul?

Deixem-se estar, escusam de ir. Sempre se poupavam uns tostões valentes nas despesas que vão fazer à nossa custa... ainda andam eles a vender vuvuzelas e bolas... quem não compra sei eu bem quem é...

:)

Nota-se muito que estou viciada do "I can Read"?

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Ou tenho cuidado

ou vou recuperar os (poucos) quilos que já perdi e ganhar outros tantos.

Dantes, as desilusões davam-me para não comer (não tinha fome, simplesmente). Agora, dá-me para comer. Comer sem olhar a quê. E tenho que ter cuidado. Com as desilusões que me têm tocado à porta, não sei, não.

Controla-te Carla. Controla-te. És mais forte que eles.

Coisas que me deixam a "ferver"

Pessoas que complicam o que é simples. Ou que vêem problemas onde eles não existem.

Perante o nome de um post que vi

só pude sorrir: "Look para almoço em família"

Já agora, que tal um look para lavar os dentes, um look para comer uma torrada, um look para ler um livro... não?

Hoje (3)

Hoje (2)

Hoje

Eu sou grande

e nada nem NINGUÉM me vai deitar abaixo.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

?

Que a crise está aí, que cada vez temos menos dinheiro, que está tudo pela hora da morte: é só o que mais se ouve por aí. E é o que eu também digo.

Pois muito bem. Então como é possível que em quase todos os blogs que vou abrindo, vejo todos os dias posts onde se diz "hoje comprei 3 vestidos", ou "hoje comprei 5 blusas", ou "hoje comprei 2 pares de sapatos"?

Das duas uma: ou passam muita fominha para os comprarem, ou então a crise só passa lá pela minha casa e afinal o pessoal anda é a nadar em dinheiro e tem medo de assumir... é que só pode...

sexta-feira, 14 de maio de 2010

quinta-feira, 13 de maio de 2010

S. Pedro

Tu não achas que o pessoal já anda suficientemente deprimido com esta coisa da crise, dos impostos e essas coisas? Será que és assim tão mauzinho e gostas de nos ver ainda mais "para baixo"?

Estas temperaturas e estas mudanças de céu limpo para chuva estupida em segundos não estão com nada, ouviste?

Vá, anda lá com isso. Venham os 30ºC e o céu azul, azul, azul. Combinado?

Nós agradecemos.

Alguém é capaz

de começar a comer "Tortitas de Maiz Nackis", da Bicentury, e parar antes do pacote acabar? Se alguém for, explique-me, por favor, como o faz.

É que eu não consigo. É um vício. Um VÍCIO.

Ainda não percebi muito bem

o conceito da televisão a 3D. Então para estarmos descansadinhos a ver uma das nossas séries de eleição, se o televisor for 3D, temos obrigatóriamente que usar aqueles (mais que) parvos óculos?

Naaaaah. Se assim for, não sei se me convencem.

Mais um livro deixado a meio (Julie e Julia)

Isto em termos de leituras está mau... nunca me tinha acontecido ter começado a ler um livro e tê-lo deixado a mais de meio. E agora já lá vão dois.
Hoje, ao sair de casa, decidi apanhar o primeiro livro que tivesse em casa por ler. Calhou este.


Foi-me oferecido pelos meus primos, quando fiz 40 anos, com a seguinte dedicatória "10-10-08. Parabéns pelos teus 40 anos. Sê Feliz!!! Não deixes que o teu tempo seja um tempo roubado...". Parece-me um bom conselho.

Vão aumentar os impostos?

Não interessa nada! Nos dois últimos dias, três pessoas diferentes admiraram-se com a minha idade, e disseram "A sério? Pareces mais nova!", ou "Foi mãe aos 12?", quando disse que o meu filho mais velho atinge a maioridade daqui a dois anos...

Nunca tive problemas com o passar dos anos, com o envelhecer, mas ouvir estas coisas, claro que sabe muito bem!

sexta-feira, 7 de maio de 2010

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Tsss, tsss, tsss...

a inveja é muito feia...

Eu


Eu sou eu. E não há nada a fazer. Quem gostar de mim, gosta, quem não gostar... "'tá ándar", que não faz cá falta.

Não alinho em modas. Alinho naquilo que gosto e naquilo que me faz bem. Naquilo que me faz sentir bem. Uso roupa e calçado adaptado a mim e não à moda, porque o importante sou eu, e como de sinto com ela vestida.

Gosto de cor. Não alinho na moda do preto, branco e cinzento. A vida tem que ser vivida a cores, não em monocromático.

Sou uma "moça caseira". Não gosto de confusões, não gosto de noites fora, não sou de "rambóiadas". Gosto muito de dormir...

Sou uma "provinciana". Dava tudo para poder mudar a minha vida e ir viver para o campo. Não me faz falta nenhuma a agitação da cidade. Ainda não perdi a esperança...

Sou aquilo a que muita gente chama "foleira": Tenho passatempos que não são propriamente "in"... gosto de fazer crochet, fazer tricot, fazer ponto-cruz, cozinhar (por gosto, não por obrigação). Também gosto de ler, ouvir música, mas isso já são coisas mais "na moda"...

Sou uma mulher simples. Que gosta das coisas simples da vida. Não preciso de luxos, de marcas, de coisas complicadas para viver bem. Dêem-me a família, um tecto e condições para viver uma vida normalíssima e eu sou feliz.

Eu sou eu.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Verdade

Lá em casa somos todos do Benfica. E claro está, hoje, no autocarro para o trabalho, alguém se meteu com o meu marido e disse "então, hoje está triste...". Ele, sem pensar duas vezes, respondeu "Porquê? É segunda-feira e tenho trabalho, tenho saúde e a minha família também. Porque haveria de estar triste?".

Depois de ter lido, com consternação, o último post da Raio-de-Luar, só posso dar todo o valor ao que ele disse. Por vezes criamos problemas e "macaquinhos no sotão" por coisas tão poucas (como o futebol, por exemplo) e não damos importância ao que realmente devemos dar.

Deixo aqui um abraço apertado para a Raiozinho, tendo a certeza que, sendo ela uma "mulher de armas" e que dá a cara à luta, esta será uma situação passageira que se resolverá rapidamente. Não a conheço pessoalmente, mas isso não importa. Estou a fazer muita força por ela.

Labels

... (186) ' (1) 'Cóltura (1) 'o melhor país do mundo' (9) 'o melhor país do mundo'; (1) 'One Good Deed a Day' (15) "Cóltura" (5) "o melhor país do mundo" (78) 101 coisas em 1001 dias (4) 2010 (8) 2011 (7) 2012 (6) 2013 (2) 2013 Technicolor (55) 2014 (3) 25 de Abril (2) 30 dias para o Natal 30 agradecimentos (30) 31 dias para o Novo Ano 31 desejos (31) a idade não perdoa (1) a minha família (9) a minha família e a blogosfera (3) a vida como ela é (121) actualidade (1) ai (1) ai... (1) alegria no trabalho (1) almoço (1) amigos (8) animais (12) aniversários (38) aprender (2) aquilo que eu acho (1) as amantes do verão (31) atletismo (1) atrasados mentais (2) Benfica (5) blog (36) blogger (2) Blogosfera (162) Boas ideias (1) bullying (1) cabeça no ar (2) calor (1) cansaço (1) Carnaval (5) cinema (21) Citações (26) coisas boas (4) coisas da maternidade (1) coisas giras (2) coisas hilariantes (1) coisas minhas (89) coisas que gosto (142) coisas que me acontecem (1) coisas que me sabem bem (1) coisas que não compreendo (2) coisas raras (1) coisas sem interesse nenhum (1) coisas simples (1) conselhos (5) crise (1) crónicas (1) culinária (18) de vez em quando sabe bem desabafar (1) decisões em família (1) desafio 12 meses (12) desafios (143) desporto (3) dias especiais (17) dinheiro (52) doenças (37) eleições (10) escritores (1) escritos que gosto (3) estação favorita (2) estações favoritas (5) Eu (283) eu sou assim (4) Eu sou dadora de sangue com muito orgulho (1) Eu sou dadora de sangue com nuito orgulho (1) exageros (1) F/M (4) faltas de educação (15) Família (103) (9) felicidade (6) férias (107) Filhos (199) fim-de-semana (1) finanças (6) fobias (1) fora do trabalho (1) fotografia (94) fruta (1) Futebol (44) grandes verdades que vou encontrando por aí (1) greve (2) gulodices (1) hobbies (23) idade (1) Idiotas com "i" grande (1) idiotices sem explicação (6) indecisões... (4) Inícios (8) intuição (1) irmã (1) irritações (1) jornais (16) justiça para todos? (14) liberdade (2) Lisboa (1) livros (80) marmitas (1) mau feitio (1) mau feitio... (209) mazelas minhas (2) mimos (15) momentos bons (1) Mundo (49) música (106) música/dança???? (1) Natal (72) net (62) o melhor país do mundo (9) Pai (5) palavra do dia (36) parvoíces (3) parvoíces minhas (1) parvoíces... (59) pausas que me sabem bem (1) pequenos prazeres (1) perda de peso (7) pessoas especiais (39) pessoas por aí (1) Pobre Portugal... (8) poesia (1) Política (125) Portugal (128) Portugal - liberdade (4) Portugal. liberdade (4) poupança (7) praia (3) preguiçosa (1) Projecto 365 (67) publicidade (30) quando eu era pequenina (6) Rádio (25) reflexões (56) relaxar (4) revistas (3) Saúde (36) selos (4) sobre os preconceitos e as lições que a vida nos dá (1) sol (1) solidariedade (2) sonhos... (1) Tejo (1) Tempo (115) tenho frio (1) todos diferentes todos iguais (1) tontices (2) trabalho (158) trabalhos manuais (2) trânsito (3) transportes (6) tv (80) vícios (6) vida escolar (45) YES (1)

Também leio...

As fotografias inseridas neste blog têm origem em:

- Mim própria;
- i can read;
- And it's love;
- vi.sualise.us;
- google;
- Pinterest

Qualquer foto vossa que aqui estiver e que não queiram publicada, digam, que eu retiro imediatamente.