terça-feira, 31 de janeiro de 2012

"To my old master"

Através do Pedro Aniceto, descobri esta carta, que vale ouro. Fiquei deslumbrada com a forma (com muita "subtileza") como o antigo escravo manda "à outra banda" (para não ser mais precisa) o seu antigo dono.

Amanhã vou dar início a este desafio


É muito provável que não o leve atá ao fim (pela experiência que tenho com os anteriores...), mas pelo menos tento.

Hoje o espírito é este

I can read

Amanhã pode ser o oposto, mas isso agora não interessa nada...

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Posts que li e que gostei (49)

Este. Ora aí está uma boa reflexão...

Os estilistas e as lojas ditam o que é moda

e (quase) toda a gente a adopta, por mais ridícula que essa moda seja. Enfim...

Um filme que eu tenha adorado?

"O Silêncio dos Inocentes". O meu filme de sempre.

"Millennium 1 - Os homens que odeiam as mulheres"

Quem acompanha este blog, sabe o que eu adorei ler a trilogia Millenium. E por isso, na sexta feira fui ver o filme. Não tive oportunidade de ver a versão sueca e pelo trailer não descansei enquanto não fui ver a versão americana.

Gostei. Gostei, mas não tanto como estava à espera. Não tanto (nem perto) como do livro. Talvez tenha sido essa a questão, li primeiro o livro e as expectativas eram, talvez, demasiado altas. A única coisa que me deixou completamente rendida foi Lisbeth Salander. É tal e qual a imaginava.

O resto, gostei. Gostei, mas não "amei".

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Pergunta:

Porque é que o programa da Ellen não ficou no horário que estava? É que aquilo não tem graça nenhuma e o ANTM acaba por começar tardíssimo, pelo que não o consigo ver (pois corria o risco de adormecer no dia seguinte em cima da secretária de trabalho).

Vamos a animar, é sexta-feira


quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

"A M'nha Reforma"



Quem se põe a jeito...

De que serve os miúdos terem actividades de todo o género e feitio

se chegam ao fim do dia completamente estafados? Vale a pena sacrificá-los (porque se estão demasiado cansados é sacrifício) em prol de sabe-se lá o quê?

Lá por casa apenas existem actividades enquanto forem compensadoras para eles. Quando começarem a ser limitativas ao verdadeiro prazer que é ser criança, acabam-se.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Dia de loucos

Estou de rastos.

Hoje, logo de manhã,

pisei o que não devia (acho que dá para perceber o que foi...). Hoje é dia de sorteio de Euromilhões. Hummmmmm...

Estão a ver o livro ali na barra do lado?

Já perdi a conta de há quanto tempo o estou a ler. É mesmo uma "valsa lenta". Se gostei muito do primeiro, este está difícil de digerir. São demasiadas personagens, demasiadas histórias na mesma história, mudanças repentinas de umas para as outras. Já dei por mim a ler o nome de uma personagem e a pensar "mas agora quem é esta?". Não, não me está a entusiasmar muito. Já só /ainda falta pouco menos de um terço do livro, já agora tenho que o acabar...

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Dias de Inverno que eu gosto

O de hoje é um deles. Falo do tempo, claro (o resto é para esquecer).

A todos - sobre o que se está a passar neste País

A todos os que votaram neles: Obrigada. Do fundo do coração (not)!
A todos os que não se quiseram dar ao trabalho de ir votar: Estão satisfeitos?
A todos oas que não votaram neles (independentemente de em quem votaram): Porque temos nós que nos sujeitar a regredir muitas décadas nas mãos destes "ditadores" que nos governam?

E já agora, à UGT: Se assumem (ouvi-o pela voz do João Proença, na televisão) que este acordo é mau para os trabalhadores, como é que são capazes de o assinar? Não é uma total incoerência?

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

"the middle." - "no meio do nada"

Ok, ok, toda a gente gosta de "Uma família muito moderna". Eu também gosto. Mas há outra que tem passado despercebida (pelo menos ouço falar muito pouco dela), talvez pelo horário a que passa durante a semana, que é "No Meio do Nada". Já viram? Não? Então espreitem lá (ao fim-de-semana repetem) e digam-me se não é também tão boa.

Adoro.

"Who's your favorite?"

Há lá coisa melhor que a nossa mãe?

2.ª feira

Depois de uma sexta feira com más notícias, um fim-de-semana chuvoso, chega a segunda com sol e com ela veio também uma (boa) disposição que já há um bocadinho de tempo não sentia.

Vamos ver quanto tempo dura. Para já, sinto-me capaz de ultrapassar todo e qualquer obstáculo.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

E é assim que estou

E de uma sexta-feira 13 o que é que se espera?

Nada, a não ser a confirmação de más notícias, pois claro. Este ano vou receber menos 3 ordenados.

Catequese (post um bocadinho polémico para os católicos "praticantes" - essa é outra questão...)

Já expliquei aqui várias vezes a minha posição em relação à fé. Sou baptizada, acredito em Deus, falo com Ele quase todos os dias, mas não frequento a Igreja, nem sigo a maior parte dos seus rituais, não me dizem nada. O meu marido tem outro entendimento em relação à religião e segue muitos dos preceitos que a Igreja "dita".

Em relação aos nosso filhos, o mais velho (que é apenas meu filho), foi baptizado com 9 meses (porque eu e o meu ex éramos relativamente novos e a família - toda ela religiosa - "impunha" que se o fizesse) mas, a partir daí, nada mais aconteceu, pois quisemos deixar ao seu critério e ele não quis frequentar a catequese. O miúdo do meio foi também baptizado com 6 meses, neste caso digamos que foi um baptizado "à pressa" porque o meu sogro  tinha uma doença terminal e queríamos que ele ainda estivesse em condições de assistir ao baptizado do único neto (na altura). A miúda mais nova, com 5 anos, ainda não é baptizada (com grande mágoa do pai), porque se tem vindo a adiar, ora por uma circunstância, ora por outra. Em princípio acontecerá quando ela para o ano começar a frequentar a catequese.

E este longo texto porquê? Porque o míúdo do meio, por "pressão" do pai (e aceitação dele, porque senão era eu que me impunha) está na catequese  neste momento e começam a "impor-se" aqueles rituais que a mim não me dizem nada, mas que somos como que "obrigados" a cumprir. Recebi agora um mail a comunicar-me que no dia X, às X horas, os meninos e as suas famílias são "convidados" (mais convocados...) a rezar o terço na Igreja X. E é isto que me chateia: para não contrariar o pai, não me opus a que o miúdo frequentasse a catequese, mas agora por causa disso, tenho que acompanhar todos estes rituais que a mim apenas servem para... nada (como já disse, para falar com Ele, não preciso de textos pré-definidos).

AHAHAHAHAH

Para além de estar brilhantemente escrito ("poupar uma data de massa"???), este é um texto que nos diz que a Margarida abandonou o "modelo burguês".  Pois dizem eles que ela passou de uma vivenda com piscina em Paço de Arcos para um apartamento em Lisboa... isto é que é meus senhores, mudar de vida!

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Que bem que me faz almoçar com a minha amiga

Fala-se de coisas triviais, do nosso dia-a-dia. Das nossas alegrias, das nossas tristezas, de tudo um pouco. E sentimos que mesmo que estes almoços sejam, ultimamente, muito espaçados no tempo, a amizade permanece forte.

Um dia de férias a meio da semana sabe sempre bem

Estou de volta, depois de um dia de férias. Para recuperar energias. Soube bem. Agora, vamos ao trabalho.

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Indo por essa blogosfera fora... abriu a época das dietas e das idas ao ginásio por causa do Verão

O giro é ver a branca que dá a esta gente quando começa o Outono...

O miúdo do meio fez este puzzle de 300 peças num abrir e fechar de olhos...

e agora quer fazer um de 1000 comigo.

Tenho um flho com o meu vício pela leitura, tenho outro com o meu vício pelos puzzles. Resta descobrir o vício que a mais nova me vai roubar...

Já que eles, em termos físicos, não têm praticamente parecenças nenhumas comigo, pelo menos tenho este consolo.

Esta noite dormi 8 horas de sono seguidinhas

Não sei se é por isso (possivelmente até é), mas hoje sinto-me outra. Mais bem disposta, com mais força para enfrentar os dias.

Vou mas é aproveitar a onda.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

O meu filho do meio foi aquele que dos três moços ficou com os genes todinhos dos avós (do meu pai e do pai do meu marido)

O meu pai tinha paixão pelas matemáticas, o meu sogro idem. Ensinavam com mestria quem quisesse aprender e qualquer um que passasse pelas suas mãos tinha sucesso garantido na disciplina.

Quis o destino que o meu "forte", assim como o da minha irmã, fosse as Lletras, mais propriamente as Línguas.  O meu marido e a irmã gostam de números, mas simplesmente como alunos normais, sem qualquer paixão ou vocação. O meu filho mais velho, posso dizer, é um "zero à esquerda" no que toca à Matemática e a tudo o que envolve números e derivados.

Pois que surge este miúdo (o do meio) agora, que nos deixa completamente embasbacados a ouvi-lo a fazer cálculos, contas, associações e que na escola consegue desde o 1.º ano (está neste momento no 2.º), não errar uma única conta, um único problema, um único cálculo, nada. Desde a 1.ª prova, sempre, sempre 100% certas.

E eu olho para ele e vejo o meu pai. Vejo a sua paixão pelos números e não consigo deixar de imaginar a alegria que ele sentirá ao vê-lo lá de cima. Não consigo, também, deixar de sentir muita tristeza por eles nunca se terem conhecido e poderem partilhar esta paixão.

Há quem diga que temos que perdoar quem nos fez mal para poder seguir em frente. Isso para mim não faz sentido. Por tudo aquilo que escrevi em cima que eu não consigo perdoar o velho de 82 anos, que não devia ir a conduzir aquele carro que matou o meu pai. Não tenho essa capacidade.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

...

Tantas coisas que eu gostava de fazer e que não incluem este sítio onde estou...

Dias escuros, cheios de sol lá fora

Não sei o que sinto. Estou numa fase em que tanto estou bem como, de um momento para o outro, fico em baixo, triste, sem forças.

Hoje é um dia em que acordei adormecida (não sei se me faço perceber), sem vontade de nada. Não me sinto Eu.


Vamos a ver se isto melhora.

Labels

... (186) ' (1) 'Cóltura (1) 'o melhor país do mundo' (9) 'o melhor país do mundo'; (1) 'One Good Deed a Day' (15) "Cóltura" (5) "o melhor país do mundo" (78) 101 coisas em 1001 dias (4) 2010 (8) 2011 (7) 2012 (6) 2013 (2) 2013 Technicolor (55) 2014 (3) 25 de Abril (2) 30 dias para o Natal 30 agradecimentos (30) 31 dias para o Novo Ano 31 desejos (31) a idade não perdoa (1) a minha família (9) a minha família e a blogosfera (3) a vida como ela é (121) actualidade (1) ai (1) ai... (1) alegria no trabalho (1) almoço (1) amigos (8) animais (12) aniversários (38) aprender (2) aquilo que eu acho (1) as amantes do verão (31) atletismo (1) atrasados mentais (2) Benfica (5) blog (36) blogger (2) Blogosfera (162) Boas ideias (1) bullying (1) cabeça no ar (2) calor (1) cansaço (1) Carnaval (5) cinema (21) Citações (26) coisas boas (4) coisas da maternidade (1) coisas giras (2) coisas hilariantes (1) coisas minhas (89) coisas que gosto (142) coisas que me acontecem (1) coisas que me sabem bem (1) coisas que não compreendo (2) coisas raras (1) coisas sem interesse nenhum (1) coisas simples (1) conselhos (5) crise (1) crónicas (1) culinária (18) de vez em quando sabe bem desabafar (1) decisões em família (1) desafio 12 meses (12) desafios (143) desporto (3) dias especiais (17) dinheiro (52) doenças (37) eleições (10) escritores (1) escritos que gosto (3) estação favorita (2) estações favoritas (5) Eu (283) eu sou assim (4) Eu sou dadora de sangue com muito orgulho (1) Eu sou dadora de sangue com nuito orgulho (1) exageros (1) F/M (4) faltas de educação (15) Família (103) (9) felicidade (6) férias (107) Filhos (199) fim-de-semana (1) finanças (6) fobias (1) fora do trabalho (1) fotografia (94) fruta (1) Futebol (44) grandes verdades que vou encontrando por aí (1) greve (2) gulodices (1) hobbies (23) idade (1) Idiotas com "i" grande (1) idiotices sem explicação (6) indecisões... (4) Inícios (8) intuição (1) irmã (1) irritações (1) jornais (16) justiça para todos? (14) liberdade (2) Lisboa (1) livros (80) marmitas (1) mau feitio (1) mau feitio... (209) mazelas minhas (2) mimos (15) momentos bons (1) Mundo (49) música (106) música/dança???? (1) Natal (72) net (62) o melhor país do mundo (9) Pai (5) palavra do dia (36) parvoíces (3) parvoíces minhas (1) parvoíces... (59) pausas que me sabem bem (1) pequenos prazeres (1) perda de peso (7) pessoas especiais (39) pessoas por aí (1) Pobre Portugal... (8) poesia (1) Política (125) Portugal (128) Portugal - liberdade (4) Portugal. liberdade (4) poupança (7) praia (3) preguiçosa (1) Projecto 365 (67) publicidade (30) quando eu era pequenina (6) Rádio (25) reflexões (56) relaxar (4) revistas (3) Saúde (36) selos (4) sobre os preconceitos e as lições que a vida nos dá (1) sol (1) solidariedade (2) sonhos... (1) Tejo (1) Tempo (115) tenho frio (1) todos diferentes todos iguais (1) tontices (2) trabalho (158) trabalhos manuais (2) trânsito (3) transportes (6) tv (80) vícios (6) vida escolar (45) YES (1)

Também leio...

As fotografias inseridas neste blog têm origem em:

- Mim própria;
- i can read;
- And it's love;
- vi.sualise.us;
- google;
- Pinterest

Qualquer foto vossa que aqui estiver e que não queiram publicada, digam, que eu retiro imediatamente.