quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Queriam o quê?

E parecem-me que cada vez será pior. Pelo rumo que este país está a ir...

4 comentários:

  1. Não sei não, mas essa de agora as mulheres serem mães entre os 30 e os 34 também vai mudar. Começam-se a ver muitas mulheres entre os 30 e os 35 desempregadas ou com precariedade profissional, factor muito decisivo na ideia de ter filhos. E isto vai ter um efeito dominó que não e parece que os políticos estejam preocupados em contrariar.

    ResponderEliminar
  2. É isso mesmo Raiozinho. Sem tirar nem pôr.

    E agora o nosso trabalho (os nossos descontos) dá para pagar as reformas dos mais velhos. Daqui a uns anos, quem vai pagar as nossas?

    ResponderEliminar
  3. Boa pergunta. Não vai haver equilibrio entre a população activa e a população inactiva, porque os idosos aumentam em relaçao aos jovens, logo sao reformas que o Estado supostamente tem de garantir. E entre os de idade activa temos os inúmeros desempregados, que isto está sem solução à vista... agora o cenário será mais ou menos este: em idade activa uns estão e estarão desempregados, outros emigrarão, logo não contribuem para os cofres do estado, e os restantes não vão chegar para com os seus descontos suportarem os cofres do estado. Lamento é que se eu, que sou uma leiga e não percebo nada de economia e política, vejo isto, será que os doutos especialistas não vêem ou não querem ver? A verdade é esta. Eles estão no poder meia dúzia de anos. Os problemas caóticos que se adivinham a médio e longo prazo já não lhes vão deizer respeito, então estão-se a borrifar. Eu não sou mãe, tenho pena de nem sequer estar a pensar em sê-lo... mas a verdade é que não é só o facto de estar desempregada e sempre ter vivido na corda bamba em relação ao trabalho. É também o futuro que este país tem ou não para dar, e não sei se quero sujeitar um filho a isto.

    ResponderEliminar
  4. Percebo perfeitamente a tua posição Raiozinho. E concordo que eles não querem mesmo é saber. Porque como dizes estão lá meia dúzia de anos e depois ficam com a vida garantida até morrerem.

    É este o estado do País.

    ResponderEliminar

Labels

... (186) ' (1) 'Cóltura (1) 'o melhor país do mundo' (9) 'o melhor país do mundo'; (1) 'One Good Deed a Day' (15) "Cóltura" (5) "o melhor país do mundo" (78) 101 coisas em 1001 dias (4) 2010 (8) 2011 (7) 2012 (6) 2013 (2) 2013 Technicolor (55) 2014 (3) 25 de Abril (2) 30 dias para o Natal 30 agradecimentos (30) 31 dias para o Novo Ano 31 desejos (31) a idade não perdoa (1) a minha família (9) a minha família e a blogosfera (3) a vida como ela é (121) actualidade (1) ai (1) ai... (1) alegria no trabalho (1) almoço (1) amigos (8) animais (12) aniversários (38) aprender (2) aquilo que eu acho (1) as amantes do verão (31) atletismo (1) atrasados mentais (2) Benfica (5) blog (36) blogger (2) Blogosfera (162) Boas ideias (1) bullying (1) cabeça no ar (2) calor (1) cansaço (1) Carnaval (5) cinema (21) Citações (26) coisas boas (4) coisas da maternidade (1) coisas giras (2) coisas hilariantes (1) coisas minhas (89) coisas que gosto (142) coisas que me acontecem (1) coisas que me sabem bem (1) coisas que não compreendo (2) coisas raras (1) coisas sem interesse nenhum (1) coisas simples (1) conselhos (5) crise (1) crónicas (1) culinária (18) de vez em quando sabe bem desabafar (1) decisões em família (1) desafio 12 meses (12) desafios (143) desporto (3) dias especiais (17) dinheiro (52) doenças (37) eleições (10) escritores (1) escritos que gosto (3) estação favorita (2) estações favoritas (5) Eu (283) eu sou assim (4) Eu sou dadora de sangue com muito orgulho (1) Eu sou dadora de sangue com nuito orgulho (1) exageros (1) F/M (4) faltas de educação (15) Família (103) (9) felicidade (6) férias (107) Filhos (199) fim-de-semana (1) finanças (6) fobias (1) fora do trabalho (1) fotografia (94) fruta (1) Futebol (44) grandes verdades que vou encontrando por aí (1) greve (2) gulodices (1) hobbies (23) idade (1) Idiotas com "i" grande (1) idiotices sem explicação (6) indecisões... (4) Inícios (8) intuição (1) irmã (1) irritações (1) jornais (16) justiça para todos? (14) liberdade (2) Lisboa (1) livros (80) marmitas (1) mau feitio (1) mau feitio... (209) mazelas minhas (2) mimos (15) momentos bons (1) Mundo (49) música (106) música/dança???? (1) Natal (72) net (62) o melhor país do mundo (9) Pai (5) palavra do dia (36) parvoíces (3) parvoíces minhas (1) parvoíces... (59) pausas que me sabem bem (1) pequenos prazeres (1) perda de peso (7) pessoas especiais (39) pessoas por aí (1) Pobre Portugal... (8) poesia (1) Política (125) Portugal (128) Portugal - liberdade (4) Portugal. liberdade (4) poupança (7) praia (3) preguiçosa (1) Projecto 365 (67) publicidade (30) quando eu era pequenina (6) Rádio (25) reflexões (56) relaxar (4) revistas (3) Saúde (36) selos (4) sobre os preconceitos e as lições que a vida nos dá (1) sol (1) solidariedade (2) sonhos... (1) Tejo (1) Tempo (115) tenho frio (1) todos diferentes todos iguais (1) tontices (2) trabalho (158) trabalhos manuais (2) trânsito (3) transportes (6) tv (80) vícios (6) vida escolar (45) YES (1)

Também leio...

As fotografias inseridas neste blog têm origem em:

- Mim própria;
- i can read;
- And it's love;
- vi.sualise.us;
- google;
- Pinterest

Qualquer foto vossa que aqui estiver e que não queiram publicada, digam, que eu retiro imediatamente.